Os 50 melhores discos nacionais da década (41 a 50)

Um pouco depois de fechar minha votação dos dez melhores discos dos anos 00, o Lívio, do Bloody Pop, pediu algo mais ousado: os 50 melhores álbuns e as 50 melhores músicas lançadas no Brasil na década. Começo a publicar a lista de álbuns hoje. A de músicas ainda não tá fechada, mas provavelmente vão entrar várias dessa minha listinha de baladas. Confere abaixo e comenta.

50 – Superphones – Superphones (2005)

49 – Gram – Gram (2004)

gram01

48 – Mopho – Mopho (2000)

mopho

47 – Tom Bloch 2 – Tom Bloch (2008)

tombloch

46 – Anticontrole – Walverdes (2002)

anticontrole

45 – Cachorro Grande – Cachorro Grande (2001)

CACHORO20GRANDE20120CACHORRO20GRAND

44 – Se Sexo É o que Importa, Só o Rock é Sobre Amor – Bidê ou Balde (2000)

bide

43 – Tribunal Surdo – Violins (2007)

tribunal surdo

42 – Descartável Longa Vida – Ecos Falsos (2007)

descartavel

41 – Um Olho no Fósforo, Outro na Fagulha – Pata de Elefante (2008)

Um Olho No Fósforo, Outro Na Fagulha(2007)

Anúncios

17 Respostas to “Os 50 melhores discos nacionais da década (41 a 50)”

  1. Lucas Says:

    Antes de fechar a lista, dá uma ouvida nesse disco: http://www.senhorf.com.br/agencia/main.jsp?codTexto=5843

  2. Maurício Says:

    Pois é… Essa lista só nos leva a mesma triste constatação de sempre… Que saudade dos anos 80 !!! Não é saudosismo barato, não… Estamos falando aqui de criatividade, qualidade musical e atitude mesmo !!! Se o caminho estabelecido pelas 10 últimas posições dessa lista se mantiver, pelo jeito vai acabar entrando até CSS e Loser Manos nesse ranking !!! TRISTE !!!

    • Filipe Says:

      Maurício?! Como é que você fala uma coisa dessas?! Tá certo, vou respeitar sua opinião, mas essa seleção é boa!
      Vai ouvir Nenhum de Nós, 14 Bis, Ultrage a Rigor, Kid Vinil, … vai! hahaha

  3. Junior Says:

    Pô Maurício, vai ouvir Engenheiros do Havaí e RPM, cara…
    Na boa, os anos 80 tinha pouca coisa boa que ainda vale a pena ser ouvida hoje.
    Mopho, Cachorro Grande, Pata de Elefante e Bidê ou Balde são melhores do que 80% das coisas que tocavam nas Fms brasileiras.

  4. Anderson Innocencio de Oliveira Says:

    vc só pode estar de brincadeira. síndrome de underground é uma coisa medíocre!

    com ctz é o tipo de coisa que vc precisa dizer que é underground e que tem maior valor, pq 90% disso é uma merda, Ecos Falsos? isso é mais constrangedor que NX Zero! Bidê ou Balde, Walverdes, aff… cada uma.. é bom ter espaço num canal grande, vc pode falar merda à vontade.

  5. diones Says:

    listas são sempre um lixo, e essa não é exceção

  6. Ânj@ Says:

    rsrsrrsrsrsrsrrsrsrs…(mais risos)
    mas adoro Pata de Elephant…rsrsrrsrsrsr

    http://anjapsi.spaces.live.com/
    http://seilahnaosei.blogspot.com/
    http://anjapsi.blogspot.com/
    http://www.skoob.com.br/usuario/mostrar/20759/

  7. tonil Says:

    ahh toma vergonha na cara !!!!

  8. Maurício p/ Júnior Says:

    Júnior… Não estava me referindo a RPM e Engenheiros, não, mas mesmo assim a letra de Juvenília do RPM ou de A Revolta dos Dandis II do Engenheiros dão de 1000 a zero em qq uma dessas bandinhas da lista… E em uma coisa vc tem razão !!! Essas eram mesmo as bandas mais fracas dos anos 80 e mesmo assim dão um cacete em todas essas… Se formos falar de bandas como Violeta de Outono, Fellini, Plebe Rude, Legião Urbana, Finis Africae, Ira!, Barão Vermelho ou até mesmo Capital Inicial, Ultrage a Rigor ou Titãs, aí não há nem termo de comparação mesmo…

  9. pablo Says:

    só bandas pop… só lixos que vc consome dá uma indigestão e joga fora… apenas lixo!!

  10. Junior Says:

    Maurício, desculpe, mas não dá para colocar Violeta de Outono e Fellini no mesmo saco com outras coisas horrendas como Capital Inicial e (urgh!) Legião Urbana.
    Poderia citar uma infinidade de bandas toscas dessa época, como Tokyo, Metrô, Kid Abelha, Rádio Taxi e por aí vai…
    Quem ainda aguenta ouvir Barão Vermelho hoje em dia? E os Titãs, alguém sabe porque eles ainda existem? Um dia já foram legais, hoje eles são uma paródia deles mesmos.
    Em vez de lamentar o fim dos longínquos anos 80, prefiro celebrar o que de bom acontece hoje em dia…
    E se você acha que não há letras com conteúdo nas bandas atuais, ouça Tom Bloch, Los Porongas, Vanguart, Porcas Borboletas, Cérebro Eletrônico, Rafael Castro e os Monumentais, Seychelles, Frank Jorge (tá certo, esse já é veterano, mas continua inovador)
    E o rock é isso, tá sempre se renovando, sempre vai ter quem ache que para pior, mas todas as épocas tem bandas boas e bandas ruins.

  11. Fer Says:

    Se a lista dos melhores é encabeçada por Los Hermanos e traz Pato Fu, Bidê ou Balde…Imaginem então quais seriam os 50 piores…
    Rock/pop metido a intelectual é uma merda…

  12. Rampion79 Says:

    Bem essa lista só nos leva a constatação de que essa década foi perdida em absoluto, não há nenhum artista entre esses 50 álbuns citados que mereça elogios, no caso dos Los Hermanos< talvez o único com alguma significância, uma ou outra música mas não um álbum inteiro que sirva para listar como um dos "melhores da década", bastante precoce essa lista e muito RUIM.

  13. Romio Says:

    longe de ser unânimes listas são listas, mas há aí um interessante apanhado da produção nacional, onde os indepêndentes trouxeram vida nova a indústria. Alguém aí falou não conhecer Mopho, cachorro grande, na certa ouve rádio popular e só assiste a TV Globo, ou nem se dá o trabalho de ler um jornal, um bom artigo sobre música, pois se fizesse conheceria um pouco mais sobre o rock nacional.
    O Mopho inclusíve merece posição mais destacada,foi um dos primeiros discos interessantes da década e com certeza influênciou muitos que estão nesta lista, inclusíve o Pipodélica que aparece aí no vídeo tocando Não Mande Flôres, música do Mopho( vcs do blog nem pra por um vídeo dos originais caras tocando!) http://www.youtube.com/watch?v=JlWhuXBzKBs

  14. Aurélio R. Peres Says:

    Eu incluiria todos do Cachorro Grande!! Todos são excelentes!!
    Tem muita banda boa nessa lista, algumas eu nem conhecia!
    Agora eu te falo, a maioria, como o próprio autor citou, segue a linha Los Hermanos…é um tremendo porre esse tipo de música. Não tem uma pegada, não tem um diferencial! Só fala de amorzinho aqui, amorzinho lá!
    Resumindo, o rock brasileiro nunca foi uma maravilha!
    E pelo andamento, nuca será!

    Acrescento um discasso para essa lista: Cachorro Grande – Cinema 2009.
    Isso, sim, é rock n’ roll brasileiro!

  15. Aurélio R. Peres Says:

    Walverdes, Pata de Elefante, Mopho e Black Drawing Chalks são du caralho!!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: